"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

2.1.12

Necessários

'...Por isso, qualquer sentimento é bem-vindo,
mesmo que não seja uma euforia, um gozo, um entusiasmo, mesmo que seja uma melancolia.
Sentir é um verbo que se conjuga para dentro, o contrário do fazer, que é conjugado pra fora.

Sentir alimenta, sentir ensina, sentir aquieta.

Fazer é muito barulhento.
Sentir é um retiro, fazer é uma festa.

O sentir não pode ser escutado, apenas auscultado.
Sentir e fazer, 
ambos são necessários...'

Nenhum comentário: