"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

1.9.14

Ela não tinha espaço, estava cheia de amores de ontem.
 E dizia:- Amor é um movimento, uns andam para frente rumo a um futuro desconhecido, outros para trás tendo o passado como refúgio. 
E não cabe a ninguém dizer qual dessas formas de amar é a maior.


Um comentário:

Samuel Balbinot disse...

Muito bom dia minha querida.. agradecido pelos votos.. fique tranquila que comi churras sim rsrs e a champagne tb não poupei não..
sobre tua postagem.. as vezes as pessoas ficam uma vida inteira chorando um amor não concretizado.. é triste isso.. pq se não rolou a vibração não existia.. só há amor quando os dois vibram iguais.. beijão e até sempre