"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

24.9.14

Desses Beijos

Desses beijos que escorrem pelo corpo.
 Um louco sinal do desejo.
 Se me vejo escorregadio num suor só nosso, acho graça. 
Mordo seu ombro. Se num canto qualquer nos resolvemos com mãos, fica então a certeza que nossos lençóis serão os mesmos até que, serenos, daremos o último gole um no outro. Outro no um.

3 comentários:

Samuel Balbinot disse...

Boa tarde minha querida..
os beijos.. as mordidas e tudo que se tem direito é válido para que se chegue ao clímax neste momento mágico a dois.. beijos e até sempre Miih

Jorge disse...

Anda cá lindona que te quero beijar todinha...

Ly disse...

sentir
um sussurro