"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

16.5.13

Não há memória mais terrível do que a pele. 
A cabeça pensa que esquece. 
O coração sente que passou.
Mas a pele arde, invunerável ao tempo


2 comentários:

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Michelly. Exatamente isso é o que acontece.
A memória fica gravada como tatuagem na pele, vemos e não conseguimos esquecer ou dar certo valor e significado.
Tenha um fim de semana de paz!
Beijos na alma!

Anônimo disse...

.. Amiga Miih, bloquearam praticamente quase os meus favoritos todos, fiquei esses dias longe ... mas estou de volta pra contemplar outras vez as suas emoções, e outra vez as sensações, estas que nunca podemos esquecer, o toque se faz inconfundivel!!

Beijos com saudades e carinhos