"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

17.2.13

Dos caminhos

Quero desprogramar a vida, consertar a bússola do coração para encontrar o caminho dos sonhos. Realidade demais endurece a gente. Vou rasgar os mapas, quero férias de agendas e datas. 
Eu só preciso de caminho para os meus pés.

Nenhum comentário: