"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

14.6.12

Que todos consigam alcançar a felicidade, e que ela seja partilhada, desperdiçando sorrisos e esbanjando alegrias. Que tenhamos forças para aguentar as nossas fraquezas e coragem para assumi-las. 
Que a nossa vida tenha o sobrenome de viver, de verdade. 
Que nada seja de mentira, e quando houver mentira que tenhamos a serenidade de reconhecer que o tempo sempre faz seu trabalho, e bem feito.
E que antes de aprender a amar o outro, amemos a nós primeiro e se for implorar por amor, que seja por amor próprio.

Nenhum comentário: