"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

23.11.11

Incondicional

”Há em você alguma coisa de mim.
Alguma coisa que eu vejo e me acalma. 
Como se eu pudesse deitar
de novo no lugar de onde vim, pois só você sabe que lugar é esse.
Então você me entende... 
E eu não me entendo tanto quanto entendo de ti.
Talvez isso seja amor. Talvez não.
Seja lá o que for,
é incondicional.

2 comentários:

Ulisses Reis ® disse...

Incondicional é tudo, mas tem que ser consciente e impar, adorei o poema, tenha uma noite linda e um dia maravilhoso, beijos !!

ღ Míìh..ღ disse...

Ulisses Reis...
Obrigada Ulisses...
Idem...idem.
Beijos meus.