"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

25.1.14

Não temos olhos que abrem para dentro, esses que usamos para ver os sonhos

Nenhum comentário: