"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

21.9.13

Felicidade independe de inúmeras circunstâncias para inaugurar recomeços.
 E eu sou uma mulher de muitos inícios.
 Então, se nublo, floresço – porque é o que eu faço de mais bonito.
 

Um comentário:

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Miih. Muito bonito esse pensamento.
Florescer, sempre, a despeito de qualquer adversidade.
Somos nós quem escolhemos a nossa felicidade, e se ela escapa de nós, temos de encontra-la.
Beijos na alma e paz!