"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

6.3.13

A vida me prometeu e agora quero fazer valer o meu direito irrevogável, intransferível,
urgente e absolutamente necessário de ser feliz.
Não há meio termo, apenas obediência.

Nenhum comentário: