"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

23.7.12

Quando te conheci

Uma sensação muito estranha, algo difícil de explicar… como se um anjo... Acariciara-me a alma… e meu coração quisera voar… De repente, uma invasão de silêncio… como se os pássaros deixassem de cantar, o vento que revolvia meu cabelo, por um instante, deixou de soprar… 
Em verdade não tinha muito claro se estava sonhando, ou se era realidade… que tempo durou o feitiço… um segundo… ou uma eternidade? Só sei que alucinaram meus sentidos, 
o dia que meus olhos, conheceram teu olhar…

2 comentários:

QUIM disse...

Esse texto pura delicia me traz tantas memorias ...saudades do teu espaço..agora de volta beijo enorme..

ღ Míìh..ღ disse...

QUIM

Que bom vê-lo.. meu querido Quim.

Beijos meus e que bom q está de volta.

:))