"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

12.6.12

Sempre doce - ( liebe dich )

(...)
Mas o que existe entre a gente não tem nome, não tem prazo de validade, não tem o peso da obrigação. Só a leveza de um carinho que cresce e faz os dias parecerem mais azuis. 
Mais doces. E muito mais leves.

E a gente se encontra num sonho bom...