"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

17.5.12

Amor é um acidente estranho que nunca paramos de procurar

O amor é um acidente esperando para acontecer.(...)
o amor é um acidente. Imprevisível, incontrolável e desastroso.

Desejo é um estranho que você pensa conhecer.
(...)o desejo é um estranho que não conhecemos ou controlamos, mas ceder ou não a ele cabe a nós – mesmo quando agimos sem saber.

Intimidade é uma mentira que contamos a nós mesmos.

Adoramos achar que a intimidade nos proporciona um conhecimento ilimitado do outro.(...)
Inventamos a intimidade para nos acalmar, para não ter que nos encontrarmos o tempo todo com o fato de que o outro, por mais conhecido que seja, será sempre um estranho.

Verdade é um jogo que jogamos para ganhar.
(...)“A verdade vai te libertar”, “A verdade nos aproxima”, poderia ficar linhas e linhas citando frases que elogiam a verdade. Mas aí não diria que a verdade não tem necessariamente a ver com honestidade, muito menos com bondade. Podemos usar a verdade para magoar, para destruir, para nos colocarmos num lugar de superioridade em relação a um outro que mente.(...)
acredito que a verdade às vezes é apenas moeda de troca, uma tentativa de pagar de modo menos doloroso por algo que fizemos. 

Aqueles que acreditam em amor à primeira vista nunca param de procurá-lo.(...)
“Por que o amor não é suficiente?” O amor “apenas” pode não ser suficiente para manter uma relação. Mas, sem amor, não há relação que valha a pena.
 

5 comentários:

Delano disse...

As vezes procuramos tantos artifícios para justificar nossa mentiras, e mau sabemos que a mentira não machuca tanto assim, mas que machuca mesmo pra valer outros, é a covardia descarada seguida de cinismo sem vergonha.

ღ Míìh..ღ disse...

Delano

A verdade é que no fim das contas super valorizamos o amor e a verdade.

Delano disse...

Sim, ta certo! Mas é só o amor da gente que tem valor? E o amor do outro? não tem valor algum? Na verdade somos é irresponsáveis e mentirosos com o sentimento alheio, irresponsáveis ao ponto de nos tornamos malditos.

É isso ai....Tenha um bom dia!

ღ Míìh..ღ disse...

Delano

Prefiro acreditar que somos egoístas.Sempre achamos que o nosso sentimento é maior ou melhor do que o do outro.
No entanto ninguém sabe definitivamente.. mas todos concordamos que ele trás alegria... paz.. segurança... frio na barriga e tantos outros sentimentos que nos faz viver e muitas vezes sofrer!

Delano disse...

Isso é verdade Mílh.

Vlw!