"De leve...inocente...determinado...despercebido...distraído. E outra vez os arrepios...outra vez as sensações..."

25.4.12

Não espere...

A vida passa tão depressa, semelhante ao vento!
Não espere para amar depois
Talvez não dê mais tempo!!

Um comentário:

O Sussurrar do Corpo disse...

bem verdade...um sussurro...